Negócios

Herdeira da L'Oréal, mulher mais rica do mundo atinge um novo recorde. Veja qual

Nos últimos cinco anos, a fortuna da executiva saltou mais de 100%

Françoise Bettencourt Meyers é a 15ª pessoa mais rica do mundo (Getty Images/Divulgação)

Françoise Bettencourt Meyers é a 15ª pessoa mais rica do mundo (Getty Images/Divulgação)

Marcos Bonfim
Marcos Bonfim

Repórter de Negócios

Publicado em 6 de junho de 2024 às 14h52.

Última atualização em 6 de junho de 2024 às 16h28.

Tudo sobreBilionários
Saiba mais

Mulher mais rica do mundo, Françoise Bettencourt Meyers bateu um novo recorde nesta quarta-feira, 5. A neta do fundador da L'Oréal e vice-presidente do conselho de administração da empresa, dona de marcas como Garnier e Lancôme, passou a integrar o pequeno clube de bilionários com mais de US$ 100 bilhões.

Segundo o índice de bilionários em tempo real da Forbes, Meyers tem fortuna estimada em US$ 100,1 bilhões e ocupa a 15ª colocação no ranking global. A alta no patrimônio da executiva acompanha a evolução das ações da companhia conhecida pela atuação no mercado de beleza.

Nos últimos 12 meses, as ações registraram valorização de 12,62%, sendo negociadas a 456 euros no pregão da Euronext na tarde desta quinta-feira, 6.

A executiva e a família detêm 33% das ações da companhia. O percentual foi herdado após a morte da mãe, Liliane Bettencourt, em 2017.

Como chegou ao top 15

Desde que foi apontada como a mulher mais rica do mundo no começo de 2019, Meyers registrou aumento de 103% na sua fortuna, saltando de US$ 49,3 bilhões aos atuais US$ 100,1 bilhões.

As cifras acompanham a alta das ações da L’Oréal, negociadas na Euronext, antiga bolsa de Paris. No período, os papéis saíram de um patamar de 228 para 456 euros.

Outro ativo no patrimônio de Françoise é o Téthis Invest, fundo criado com o marido Jean-Pierre Meyers para investir em startups. A Invest é uma subsidiária da Téthis, holding da família.

Qual a trajetória da executiva na L’Oréal

A executiva começou sua trajetória na empresa da família em 1997. Entrou como diretora e em 2012 foi nomeada presidente da Téthis. No mesmo ano, começou a fazer parte do comitê de estratégia e desenvolvimento sustentável da companhia.

Meyers também lidera a Fundação Bettencourt Schueller, criada com a sua mãe em 1987. A entidade contribui com doações para pesquisas científicas, causas humanitárias e artes.

Contrariando o apelo das marcas da companhia pelo glamour, a bilionária é conhecida por levar uma vida mais reclusa e dedicada aos estudos. Entre os interesses, mitologia grega e relações judaico-cristãs, sobre os quais já escreveu livros.

Os atritos com a mãe e briga midiática

Apesar de levar uma vida mais distante dos holofotes, Françoise é comumente lembrada pelos embates com a mãe, em disputas judiciais travadas a partir de 2007 e que ganharam exposição midiática.

A filha processou pessoas próximas à matriarca por abuso de incapaz, argumentando que teriam se aproveitado da multimilionária e recebido quantias elevadas. No caso do fotógrafo François Marie Banier, o primeiro a ser denunciado, o valor beirava 1 bilhão de euros.

Enquanto rolavam as acusações, envolvendo até o ex-presidente francês Nicolas Sarkozy, Françoise chegou a pedir a tutela da matriarca na justiça, ao que a mãe rebateu. “Minha filha poderia esperar pacientemente por minha morte, ao invés de fazer todo o possível para precipitá-la”.

Em 2011, a Justiça francesa determinou a tutela da bilionária, que sofria de uma "demência mista" e mal de Alzheimer, segundo boletim médico.

O neto mais velho de Bettencourt, Jean-Victor Meyers, ficou com a guarda da avó. Os bens e patrimônio sob a responsabilidade de Françoise e de seus dois filhos.

Acompanhe tudo sobre:BilionáriosL'Oréal

Mais de Negócios

Apple mantém diálogos com concorrente Meta sobre IA

30 franquias baratas para começar a empreender a partir de R$ 9.500

Empreendendo no mercado pet, ele saiu de R$ 50 mil para R$ 1,8 milhão. Agora, aposta em franquias

Ele quer chegar a 100 lojas e faturar R$ 350 milhões com produtos da Disney no Brasil

Mais na Exame